David Santos

piano

David Santos é o primeiro pianista português a vencer grandes concursos internacionais de interpretação de Lied. Em duo com o baixo-barítono polaco Tomasz Wija obteve em 2009 os primeiros prémios no 7.o Concurso Internacional, Schubert e a Música Moderna“ em Graz (Áustria) e no 1.o Concurso Internacional Schubert para duos de Lied em Dortmund (Alemanha).

Desenvolvendo uma actividade de concerto internacional em colaboração com cantores, apresentou-se em salas como a Konzerthaus e a Philharmonie de Berlim, o Teatro Estadual de Kassel, o Campus Cultural de Singel em Antuérpia e a Tonhalle de Zurique bem como no conceituado Tanglewood Music Festival (EUA) e no Festival de Música de Macau. Em Portugal atuou nos Teatros São Carlos, São Luiz e Rivoli, nos Festivais de Música do Estoril, Castelo Branco e do Porto (In Spiritum). Juntamente com o barítono Luís Rodrigues gravou o ciclo Viagem de Inverno de Franz Schubert para a editora about music. Um CD com canções de Schubert, Brahms, Schönberg und Busoni com Tomasz Wija foi publicado pela Thorofon.

Deve impulsos artísticos decisivos ao trabalho intenso sobre o repertório de canção com os pianistas Leonard Hokanson, Axel Bauni e Irwin Gage. Formou-se em piano na Escola Superior de Música de Lisboa e na Indiana University School of Music (EUA) bem como em Teoria Musical na Universidade das Artes em Berlim e estudou técnica pianística com base fisiológica com Laurent Boullet.

David Santos é professor de piano na Universidade das
Artes (UdK) em Berlim e de Interpretação de Lied na Escola Superior de Música FRANZ LISZT em Weimar e na Escola Superior de Música e Dança de Mannheim (Alemanha). Orientou masterclasses de piano na Berlin Piano Academy e de interpretação de canção na Escola de Música do Conservatório Nacional em Lisboa e na Universidade de Campinas (Brasil).

David Santos